Certificação WELL: cuidando de quem faz o seu negócio

Mais produtividade e saúde para os usuários, mais faturamento para a sua empresa

Onde passamos a maior parte do nosso tempo tem o poder de influenciar nossa qualidade de vida – e da nossa saúde como um todo.

Por isso, as iniciativas de sustentabilidade estão cada vez mais focando em soluções de bem-estar para as pessoas que vivem nos espaços projetados.

Estudos mostram que lugares mais saudáveis impulsionam a produtividade e consequentemente o faturamento das empresas.

Especialmente agora, depois que enfrentamos uma pandemia, a saúde nunca esteve tão em voga.

Isso é exatamente o que a certificação WELL faz.

Abaixo, você pode conferir mais detalhes dessa certificação que cuida do ativo mais precioso de um lugar: as pessoas que trabalham ali.

Mas afinal, o que é a certificação WELL?

Como o próprio nome sugere, ela está diretamente ligada ao well being (bem-estar) das pessoas que habitam os espaços projetados.

A Certificação Well é o primeiro certificado com foco exclusivo na saúde. Ela adota uma abordagem holística no ambiente construído, levando em conta comportamento, operações e design.

Mas mais do que isso: ela está indiretamente ligada a algo que faz total diferença no longo prazo: a produtividade e bem-estar dos indivíduos que ali passam a maior parte do seu tempo.

Ela mede e monitora características como o ar, água, nutrição, luz, condicionamento físico, conforto – e o impacto disso na mente humana, podendo melhorar fatores como stress, sono e desempenho cognitivo.

Luz natural, boa circulação de ar, incentivo à prática de atividade física: tudo conta.

Conheça mais sobre a certificação WELL: em quais edificações pode ser aplicada?

A Certificação WELL é super acessível e pode ser aplicada a todos os tipos de espaço – entre alguns dos setores populares estão: 

  • Edifícios corporativos;

  • Edifícios residenciais;

  • Escolas e universidades;

  • Escritórios;

  • Hospitais ;

  • Indústrias ;

  • Restaurantes;

  • Shoppings e lojas de varejo.

Como funciona?

O WELL funciona como um sistema de pontuação.

À medida em que os créditos são atendidos, mais a edificação pontua.  São 80 pontos possíveis – e a classificação do empreendimento varia de acordo com o nível de pontuação atingido.

Quanto mais alta a pontuação, maior o nível do certificado. Confira os tipos abaixo:

  • 40 pontos (Certificado WELL Bronze)
  • 50 pontos (Certificado WELL Silver)
  • 60 pontos (Certificado WELL Gold)
  • 80 pontos (Certificado WELL Platinum)

Quais são as categorias analisadas?

O empreendimento é avaliado nas categorias abaixo:

– Água

– Ar

– Alimentação

– Iluminação 

– Movimento

– Conforto térmico 

– Som

– Materiais
– Mente
– Comunidade
da do nosso time em todos eles.


1) Primeiro, será feito o Registro: preenchimento do formulário de registro com as informações solicitadas diretamente no site do GBC Brasil.

Formulário do Balanço Energético anual zerado

Visando a Certificação GBC Brasil Zero Energy Definitiva, deverá ser entregue o Formulário do Balanço Energético anual zerado, assim como todas as contas de energia e de geração anual de energia.

Visando a Pré-Certificação GBC Brasil Zero Energy, edifícios novos devem fornecer um Relatório de simulação termo energética do projeto com o consumo anual total de energia, assim como os cálculos e o projeto do potencial total de geração que comprovem a compensação energética planejada ao longo de um ano. Já os edifícios existentes devem entregar as contas de energia elétrica e demais fontes de energia dos últimos 12 meses, assim como cálculos e projeto da compensação energética planejada.

O Formulário de inscrição/avaliação e Formulário de fechamento do balanço energético anual podem ser vistos nos modelos preenchidos no site do GBC Brasil.

2) Auditoria Preliminar: para verificar se o projeto está caminhando corretamente e atendendo às diretrizes do processo, são feitas algumas visitas in loco, além do acompanhamento da obra por meio de fotografias e relatórios em todas as etapas.

O consultor, arquiteto e proprietário devem fazer este acompanhamento para a comprovação dos créditos e pré-requisitos, separando toda a documentação comprobatória.

O GBC Brasil poderá a qualquer momento realizar verificações in loco na obra.

3) Auditoria Final: Após reunir toda a documentação de suporte e ter preenchido todos os formulários de atendimento de cada pré-requisito e crédito, todo o conjunto deve ser submetido para revisão.

Cada crédito deve estar em pastas separadas, contendo templates e documentos correspondentes. Toda a documentação recebida será revisada por uma empresa de terceira parte especializada em auditoria técnica.

4) Certificação: A Certificação é concedida se o balanço energético anual for zerado, caso contrário o empreendimento não será certificado.

Como o empreendimento pontua?

Existem dois tipos de recursos:
a

A certificação WELL é válida por 3 anos e, após esse período, é necessária a recertificação da edificação.

Ah! E é importante lembrar que a qualquer momento a equipe de projeto pode enviar documentação evidenciando o alcance de outras categorias para melhorar o nível da certificação.


i) pré-condições e;
ii) otimizações.

As pré-condições são requisitos obrigatórios considerados fundamentais para um espaço certificado WELL. Não cumpri-los inviabiliza totalmente o recebimento da certificação.

Os projetos também podem ganhar pontos por meio de recursos opcionais, conhecidos como otimizações.

Cada projeto pode selecionar quais otimizações buscar e quais partes focar em cada uma delas. 

Veja alguns dos benefícios…

  • Por ser uma certificação com foco no bem-estar das pessoas, aWELL traz inúmeros benefícios para os usuários que passarão boa parte de suas vidas dentro destas edificações. Veja alguns :

    – Aumento da qualidade de vida: sistemas bem dimensionados proporcionam ambientes mais confortáveis e saudáveis aos usuários. 

    – Estímulo a uma vida mais ativa – e ao exercício físico: o projeto de um edifício WELL considera cuidadosamente as práticas de movimentação saudável.

    – Além da valorização monetária da edificação, a certificação WELL aumenta a produtividade e melhora o bem-estar dos ocupantes.

    – Conforto térmico: o sistema de ar condicionado tem que ser capaz de regular a temperatura no ambiente – atendendo as demandas individuais dos ocupantes.

    – Gestão da qualidade: o WELL estabelece critérios para garantir que o ar sempre estará livre de contaminantes, a água com bom sabor e que a luz do sol – que regula o relógio biológico, também chamado de “ciclo circadiano” – seja abundante. 

    – Reconhecimento internacional: com mais de cinco mil projetos no mundo todo, possui amplo reconhecimento em diversos países.

Como fazer para obter a certificação WELL?

As certificações seguem um passo-a-passo criterioso. E você pode contar com a ajuda do nosso time em todos eles.

1) Primeiro, é feita uma Definição da tipologia

2) Depois é feito o Registro do projeto junto ao USGBC através da plataforma WELL Online. No momento do registro, os projetos podem optar por: 1. Registrar-se para certificação de ciclo único ou 2. Registrar e ativar uma assinatura de três ou cinco anos. Para projetos inscritos no modelo assinatura, a recertificação e revisões de meio de ciclo estão incluídas.


3) Depois, partimos para a Reunião de toda a documentação: durante o desenvolvimento dos projetos, bem como durante toda a duração da obra, deve-se documentar de acordo com os padrões da certificação, todas  as pré-condições e otimizações do WELL.

4) Submeter a documentação. O consultor, responsável pelo processo de certificação, deve submeter a documentação na plataforma WELL Online.

Esta submissão pode ser feita em uma única etapa (Revisão de obra – envio da documentação de projeto e construção após a conclusão da obra) ou em duas etapas (Revisão de projeto + Revisão de obra – envio da documentação da etapa de projeto primeiramente e, após a conclusão da obra, o envio da documentação da etapa de obra).

 

5) Análise da documentação. Após o envio da documentação de cada uma das etapas, o revisor do GBCI analisará a documentação e, se necessário, solicitará esclarecimentos ou informações adicionais.


6) Verificação de desempenho. A verificação de desempenho é realizada por um Agente de Teste de Desempenho WELL autorizado. Esse profissional geralmente fica de um a três dias no prédio para validar a documentação do projeto e concluir uma série de testes de desempenho, verificações pontuais e medições abrangendo todos os conceitos do WELL. Como diversos testes de desempenho pós ocupação serão feitos no local, a edificação precisa estar com pelo menos 50% de sua ocupação durante um período mínimo de um mês. 

 

7) Certificação: A verificação de desempenho é feita por um Agente de Teste de Desempenho WELL autorizado. Esse profissional geralmente fica de um a três dias no prédio para validar a documentação do projeto e concluir uma série de testes de desempenho, verificações pontuais e medições abrangendo todos os conceitos do WELL. Como diversos testes de desempenho pós ocupação serão feitos no local, a edificação precisa estar com pelo menos 50% de sua ocupação durante um período mínimo de um mês.

8) Recertificação. Após receber o WELL, a cada três anos, a edificação precisa passar por novo processo de certificação. O objetivo aqui é atualizar os dados – e ter certeza que a edificação continua cumprindo o desempenho aferido inicialmente.

Nesse período, devem ser apresentados relatórios anuais, de acordo com a necessidade específica de cada categoria. Na recertificação, o nível eventualmente sofrerá variação, devido à implantação de melhorias relacionadas às categorias avaliadas, ou mesmo à falta de manutenção adequada que poderá interferir nos resultados de desempenho. 

Quanto custa?

Os custos da certificação variam de acordo com a tipologia, a área construída e a complexidade de cada edificação. O empreendedor deve considerar dois custos: o custo de contratação de uma consultoria para acompanhar e gerenciar todo o processo de certificação e o custo das taxas de certificação, pagas em dólares, diretamente para o IWBI (valores tabelados – confira em Custos WELL)

Nossa metodologia: garantia de bons resultados

Há 10 anos, a Ares é referência em reunir quem entende para ajudar seu empreendimento a se adequar, passo-a-passo, às mais exigentes certificações do setor.

Montamos um time de profissionais extremamente capacitado para ajudar em absolutamente todas as etapas da obtenção do certificado para que sua empresa não tenha nenhum problema.

Desde uma criteriosa análise na definição e tipologia do empreendimento, passando pelo acompanhamento, orçamento e aquisição de sistemas, equipamentos e materiais com especificações exigidas pela certificação.

Além disso, damos total suporte na parte de registro, análise dos projetos e documentação conforme as normas admissíveis a eles.

 

Com uma metodologia base bem definida, adaptamos cada etapa da certificação à realidade de cada cliente.

Você delega para quem já faz isso há anos - e não precisa se preocupar mais.

Alguns de nossos clientes e parceiros